Arquivo para a categoria ‘Cara de pau’

O recesso parlamentar funcionou mesmo

11:50 | 22/07/09 | Rodrigo Alvares

“Ai, pai, tô adorando meu telefone”

- Maria Beatriz Sarney, filha de Fernando Sarney e neta de José Sarney

Gravação liga Sarney a atos secretos (Estadão)

Uma sequencia de diálogos gravados pela Polícia Federal com autorização judicial, durante a Operação Boi Barrica, revela a prática de nepotismo explícito pela família Sarney no Senado e amarra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), ao ex-diretor-geral Agaciel Maia na prestação de favores concedidos por meio de atos secretos.

Em uma das conversas, o empresário Fernando Sarney, filho do parlamentar, diz à filha, Maria Beatriz Sarney, que mandou Agaciel reservar uma vaga para o namorado dela, Henrique Dias Bernardes.

Ouça os diálogos que ligam Sarney a atos secretos e a favores de Agaciel. Abaixo, trecho da conversa que deixa Sarney com as calças na mão:

Sarney - Alô?

FS - Benção, pai.

Sarney - Deus lhe abençõe. Olha, você não tinha me falado o negócio da Bia…

FS - Não, Não, ela falou comigo ontem.

Sarney - Mas ele (Bernardo, o irmão de Bia que deixaria o Senado) entrou logo com um pedido de demissão. Agora, pra…(é interrompido por Fernando)

FS - Eu falei com o Agaciel.

Sarney - Já falou com o Agaciel?

FS - Eu falei, falei.

Sarney - Tá.

FS - Pedi pro Agaciel segurar com ele. Agaciel tá com os dois currículos (do Bernardo e do Henrique) na mão dele, tá com tudo lá.

Sarney - Tá bom, eu vou falar com ele.

FS - Eu preveni. É só isso aí. É isso que eu queria. Que tu desse uma palavrinha com ele (Agaciel). Ele já tá sabendo, tá? Eu já…Se tu der resolve.”

Tucanos gaúchos têm bicos de lata

15:12 | 16/07/09 | Rodrigo Alvares

Nota Oficial do PSDB e da bancada do PSDB na AL

É com profunda tristeza e repúdio que os deputados do PSDB assistiram às ações truculentas protagonizadas no protesto que militantes caracterizados por partidos políticos e alguns sindicalistas realizaram hoje pela manhã em frente a casa da governadora Yeda Crusius.

O PSDB não pode acreditar que estas ações de violência tenham a aprovação da maioria do magistério. Continuamos acreditando que a maioria dos professores está junto com o Governo do Estado na busca da melhoria para a Educação do Rio Grande do Sul.

Ações como esta mostram cada vez mais que estes movimentos agem movidos por interesses político-partidários e não a favor de categorias e em benefício do Rio Grande do Sul. Democraticamente, respeitamos toda forma de protesto das categorias de classe.

Entretanto, ações de violência descabida como estas, descaracterizam o movimento que, por várias vezes, tem agido de forma irresponsável. Movimento que hoje protagonizou uma pressão moral e psicológica em crianças que precisavam ir para a escola.

Esta não é uma forma legítima de reivindicação. Não é dessa forma que se promove o desenvolvimento do Rio Grande do Sul. Não podemos permitir que movimentações como estas descaracterizem a gestão competente que tem sido demonstrada pela governadora Yeda Crusius.

Deputado Estadual Adilson Troca Líder da Bancada do PSDB na AL

Deputada Estadual Zilá Breitenbach Presidente Estadual do PSDB”

Defesa de cueca

15:30 | 10/07/09 | Rodrigo Alvares

O PT poderia ter escalado alguém melhor que José Genoino (PT/SP) para defender o currículo da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT/RS). É o equivalente a pedir para Cezar Busatto (PPS/RS) chamar todos de safados para proteger a saraivada de acusações contra o desgoverno Yeda Crusius.

Petista defende Dilma contra ataques
da oposição sobre erro em currículo (PT)

emprestimobmg.jpg
“Não fui avalista do PT. Não fui avalista do PT. Não fui avalista do PT”

O deputado federal José Genoino (PT-SP) rebateu duramente, nesta quinta-feira (9), a exploração política que a oposição tem feito por causa de informação colocada no currículo da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff. Em discurso no plenário, respondeu diretamente ao deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA), que fez acusações e ilações a respeito do caso.

A oposição tem repercutido reportagem de uma revista mensal sobre o suposto erro do currículo da ministra, o que foi desmentido em nota divulgada há dois dias pela Unicamp. (…)

‘Qual é o interesse de um líder partidário transformar um erro na Unicamp como se fosse um crime da ministra Dilma? Atingi-la politicamente, porque a ministra Dilma é uma liderança importante do Governo, coordena programas estratégicos e se projeta no cenário nacional como uma provável liderança na disputa de 2010′, afirmou Genoino.

O parlamentar petista observou que a reportagem, publicada na revista Piauí, foi originada de uma informação inverídica, mas mesmo assim a imprensa e os articulistas têm feito coro com a oposição. (…)

Genoino criticou Aleluia por ter feito ‘colocações desrespeitosas, com objetivo político de atingir a ministra Dilma Rousseff’, chegando a levantar os Códigos Civil e Penal.”

Exagero. Genoino ficou muito tempo no quarto dos fundos de sua casa depois de renunciar à presidência nacional do PT porque o assessor de seu irmão foi preso no aeroporto de Congonhas com US$ 100 mil escondidos na cueca, no auge do mensalão.

Apesar das falcatruas que estão sob investigação do STF, Lula foi reeleito e o deputado voLLtou ao Congresso. Não serão esses erros no currículo de Dilma que vão estragar a candidatura dela à presidência da República.

Muita coisa mudou em 15 anos de Plano Real

12:51 | 08/07/09 | Rodrigo Alvares

Crise? Não é comigo

15:45 | 03/07/09 | Rodrigo Alvares

Que mimo o texto do presidente do Senado, José Sarney (PMDB/MA-AP), na Folha de S.Paulo de hoje (para assinantes):

Pinotti, um vazio que fica

Neruda, quando Silvestre Revueltas morreu, disse num verso forte que sua impressão era que um carvalho tinha tombado no meio do tempo. Essa é a sensação que temos quando perdemos um amigo que não era só uma ligação sentimental, mas um homem que carregava qualidades e virtudes que envolvem nessa perda a sociedade, o patrimônio humano do País. (…)

Quando morre um homem como o professor Pinotti, ficamos menores em nossa paisagem humana e de valores.”

Foto: Fabio Motta/AE
fabiomotta-sarneylandia.jpg

Todo o respeito a Pinotti, mas se ninguém caiu na história de que Sarney ocultou da Justiça Eleitoral uma casa de Brasília avaliada em R$ 4 milhões e culpou o contador, o excelentíssimo perdeu uma boa chance de tentar se defender de tantas denúncias.

Ainda bem que o capitão hereditário do Maranhão e do PMDB tem o apoio dos paladinos da Ética: Lula e seus senadores do PT, que como Sérgio Moraes (PTB/Ferradura), estão se lixando para tudo. Menos para 2010.

Tiger uppercut na Câmara de Vereadores

16:57 | 15/06/09 | Rodrigo Alvares

Campeão de muay thai divulga esporte
(Câmara de Vereadores de Porto Alegre)

O campeão mundial de muay thai por 11 vezes, Dida Diafat, visitou hoje (15/6) a Câmara Municipal de Porto Alegre, quando defendeu maior divulgação do esporte na cidade e no Brasil. Disse que na França, onde mora, o governo decidiu apoiar o muay thai, principalmente como forma de retirar crianças das ruas e reintegrá-las à sociedade. Diafat também é ator e participou de vários filmes estrelados por Jean Claude Van Damme.”

Sem graça, não? Agora misture com um pouquinho de jornalismo:

Campeão de Muay Thai nocateia
os vereadores (André Machado/ ZH)

Os vereadores de Porto Alegre deram uma pausa hoje na discussão sobre o Plano Diretor para conhecer o Muay Thai. Anunciando-se onze vezes campeão mundial, o argelino naturalizado francês Dida Diafat, 36 anos, pediu que os parlamentares ajudem a retirar crianças de rua pelo esporte. Esta é a história de vida do atleta que trabalha com meninos franceses em vulnerabilidade.

Diante da habitual distração de parlamentares em plenário, o campeão chamou a atenção dos vereadores:

sagat.jpg

“Aí, essa história de proibir cotovelada não tem nada a ver, aí”

- Vocês estão me entendendo, não vim aqui apenas para ficar ficar falando. Destacou em um inglês afrancesado. Não entendo como muitos de vocês não estão prestando atenção no que estou falando, a gente fala sobre coisas boas e os políticos não estão nem aí para o que se está falando.

Constrangimento geral em plenário.

Diafat destacou que o Muay Thai é um esporte onde se entra para ter um estilo de vida, não um esporte para ganhar dinheiro. A página da Federação Paulista de Muay Thai diz que o “treinamento ajuda as crianças e adolescentes a terem maior poder de concentração em suas atividades paralelas” e é “muito conhecido pela sua eficiência em lutas de contato e até em torneios de Vale-Tudo”.

O vereador João Dib (PP) protestou contra o tratamento dado pelo francês:

- Ele precisa aprender educação. Destacou o ex-prefeito.

Diafat está em Porto Alegre para ministrar um curso na Ulbra. Ele também esteve em Buenos Aires para divulgar seu novo filme Chok Dee (boa sorte em tailandês).”

Melhor ensinar Muay Thai do que fazer oficina de malabares em espaços lúdicos. Sagat neLLes.

A Petrobras é nossa

18:59 | 08/06/09 | Jones Rossi

Muito legal essa história de blog da Petrobras. Quem melhor pode ensinar jornalismo ao Brasil que profissionais de assessoria de imprensa? Lembro dos tempos de faculdade, quando todos nós almejávamos o cargo mais alto do jornalismo: assessoria de imprensa. Correspondente de guerra, jornalismo científico? Isso era para os sem ambição, os fracassados.

Ninguém entendeu melhor a internet que eles. Mal posso esperar pelos novos e estimulantes passos dessa galera da pesada que vai aprontar altas confusões contra os malvadões da velha mídia. Imaginem só quando sair o twitter da Petrobras? Falta o Facebook da Petrobras e um perfil no Orkut com fotos do churrasco do fim de semana na plataforma P-alguma coisa, devidamente cheia de comentários dos mil e lá vai cacetada funcionários da comunicação: “KI FOTU BUNITA”. “ME ADD”. “OLHA A CLAUDINHA MAMADA, RSRSRS”.

Na real, achei ótima a iniciativa. Eu tenho o humilde costume de gravar não só minhas entrevistas, mas também o contato com as assessorias de imprensa. Então, nada mais justo que divulgar a conversa inteira. Certa vez, outra estatal de energia simplesmente mandou um email à minha editora na época negando ter dado uma entrevista para mim, simplesmente por não gostarem do que foi publicado. Em vez de refutar com argumentos, o que não poderiam fazer, já que a matéria estava correta, resolveram negar tudo. O problema é que eu tinha tudo gravado, em MP3, disponível via iTunes, RSS e o que mais quisessem.

Então, aproveitando este espírito de transparência suprema, comemoro a nova era estabelecida pela assessoria da Petrobras, que jamais teve a intenção de acossar jornalistas e estragar a apuração prévia. Afinal, se você é jornalista, trabalha sério e consegue informações exclusivas, por que não torná-las públicas via blog da Petrobras, para toda a concorrência ver? Esse negócio de sigilo é tão pré-twitter, tão pré-iPhone apps. Vamos evoluir, gente.

Sent from my BlackBerry Wireless Handheld

“Mas o senhor é o único gaúcho por aqui”

19:04 | 02/06/09 | Rodrigo Alvares

Demorou para alguém tocar o terror na Cavalgadura dos Pampas. Tão corajoso e refinado que se refugiou do repórter do CQC Danilo Gentili no gabinete. Tá na hora de voltar para a escolinha do senador Zambiasi e trocar as ferraduras.

cqc.jpg

Santa Cruz é puro luxo

16:56 | 14/05/09 | Rodrigo Alvares

Melhor que isso, só o jatinho da desgovernada:

Mulher de Moraes compra carro
de luxo para prefeitura no RS (Terra)

01449440900.jpg
Um carro perfeito para inspecionar a colheita de fumo

A prefeita de Santa Cruz do Sul (RS), Neiva Terezinha Marques, conhecida como Kelly Moraes, e mulher do deputado Sérgio Moraes (PTB-RS), que disse estar “se lixando” para o que pensa a opinião pública, comprou um Ford Fusion 2009 para a prefeitura. O valor de referência usado no pregão foi de R$ 81.385 mil e o veículo foi comprado por R$ 68,5 mil.

Em pregão presencial nesta manhã, ficou definido que a empresa SL Veículos, revenda da Ford, em Santa Cruz do Sul, venderá o carro de luxo para prefeitura. Segundo o pregoeiro Mário Giehl, o lance inicial da empresa foi de R$ 72,9 mil. A concorrente Superauto, revenda de Santa Maria, partiu de R$ 71.590. No lance final, a SL baixou o valor para R$ 68,5 mil enquanto a Superauto ficou em R$ 68,6 mil.

Segundo o secretário da Fazenda do município, Elstor Desbessel, a empresa de Santa Maria apresentou desistência na 11ª rodada e a SL baixou R$ 100 em relação à última proposta.

‘Dentro das especificações, acredito que o valor ficou em um preço muito bom. Em 2005, o Peugeot 307 (comprado para o prefeito) foi adquirido por R$ 60 mil. Passados quatro anos e meio, houve uma boa economia‘, afirmou o secretário.

Tem mais boi na linha

19:03 | 08/05/09 | Rodrigo Alvares

Ganha um doce quem adivinhar os dois maiores financiadores da campanha de Sérgio Moraes (PTB/RS), em 2006, para elaborar estes projetos de lei:

PL-1193/2007

Data de apresentação: 29/5/2007

Ementa: Obriga a veiculação de fotos de pessoas desaparecidas e de foragidos da Justiça, nas carteiras de cigarros produzidas ou embaladas em território nacional.”

PL-2427/2007

Data de apresentação: 13/11/2007

Ementa: Obriga os fabricantes de cigarros a imprimirem numeração seqüencial na carteira de cigarro, estabelece obrigação tributária acessória e institui penalidades pecuniárias.”

Disque-sexo para Ética

19:31 | 07/05/09 | Rodrigo Alvares

Conforme prometido, A Nova Corja inicia a campanha eleitoral para que a opinião pública não deixe os jornalistas enrabarem o nobre relator da Conselho de Ética da Câmara, Sérgio Moraes (PTB/RS), e impeçam sua reeleição:

Deputado pagou com dinheiro público
ligações para disque-sexo, acusa MPF (G1)

O deputado federal Sérgio Moraes (PTB-RS) é réu em um processo no Supremo Tribunal Federal com pedido de condenação pelo Ministério Público Federal por utilizar-se de bens ou rendas públicas em proveito próprio ou alheio, em 1997, quando ocupava a prefeitura de Santa Cruz do Sul (RS).

Na acusação, o MPF afirma que até contas de ligações para números de “conteúdo pornográfico”, conhecidos como disque-sexo, eram pagas com dinheiro público. O deputado afirma que o telefone era de um armazém, que pertenceu a seu pai no passado, e que não tinha como controlar as ligações. (…)

Segundo a denúncia do MPF, assinada pela subprocuradora da República Cláudia Sampaio Marques e aprovada pelo procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, a prefeitura instalou um telefone na casa do pai de Moraes, Willy, já falecido, ‘franqueando-lhe o uso gratuito do aparelho e linha’ com as contas sendo pagas pelo município entre os meses de maio e outubro de 1997 . O processo já está pronto para julgamento no STF.

“‘Os documentos que acompanharam a denúncia comprovaram, também, que o terminal instalado na casa do pai do denunciado foi utilizado para inúmeras ligações particulares, inclusive, para outros países, tais como Guiné Bissau, Moldávia, São Tomé e Príncipe, e números de ‘conhecido conteúdo pornográfico’”, diz trecho das alegações finais do MPF. (…)

O deputado afirma que seu pai não residia mais no local em que estava localizado o telefone na época da denúncia. Segundo Moraes, o telefone havia sido instalado há mais de 20 anos para permitir acesso à tecnologia para a comunidade de Cerro Alegre Baixo. Na residência de seu pai, funcionava um armazém e por isso o local foi escolhido. Ele afirma que seu pai vendeu o comércio antes de 1997.

‘Eu não morava, e meu pai também não morava mais nesta casa onde tinha o telefone, que era público. A prefeitura pagava e depois a comunidade ressarcia. Não temos como responder se tinha ou não ligações internacionais ou para disque-sexo‘, disse o deputado ao G1.

Moraes afirmou que seu pai deveria ser homenageado por ter prestado um importante serviço à comunidade nesta época. ‘Além de tudo, o dinheiro que ele recebia das pessoas não cobria as despesas e muitas vezes tinha que completar para pagar a prefeitura. E acabou que o resultado disso é que eu estou sendo processado por meu pai ter prestado um serviço ao público‘.”

O deputado estava certo quando falou para a repórter que ela “Tem que trabalhar com mesquinhez, distorcer, conduzir de forma mesquinha o processo neste parlamento”. Realmente, é uma tristeza ser jornalista e não precisar de 24 horas para começar a descobrir um universo de processos e desvios de conduta de políticos que ainda acreditam ser donos das pessoas.

E olha que o Google ficou fora do ar hoje, deputado. Imagina se O Globo envia alguém para Santa Cruz descobrir mais sobre o caro relator, se isso for possível.

Vergonha alheia

16:12 | 07/05/09 | Rodrigo Alvares

Não dá para esperar muito de um relator do Conselho de Ética como Sérgio Moraes (PTB/RS), que tem no currículo acusações de lenocínio, receptação de jóias roubadas, agressão, e de envolvimento com uma rede de prostituição – crime pelo qual chegou a ser condenado em primeira instância e a melhor: manter um telefone público na casa do próprio pai.

Este é o nível do parlamentar gaúcho que vai pedir o arquivamento do caso de Edmar Moreira, aquele do castelo e alhures. Em entrevista ao jornal O Globo de hoje, Moraes mostrou que os bovinu$ pulitizadu$ estão bem representados na Câmara:

“Eu estou me lixando para a opinião pública! Até porque a opinião pública não acredita no que vocês escrevem. Vocês batem, batem, e nós nos reelegemos mesmo assim”

“O bonito para a imprensa é o Fernando Gabeira, que quando pegaram ele com passagens ele chamou vocês (imprensa) para pedir desculpas e todos se emocionaram. Então eu vou pedir para o Edmar Moreira fazer o mesmo

“Vocês da imprensa publicam só uma parte, só para enrabar a gente

Agora há pouco, voltou a bradar direto da tribuna do plenário da Câmara:

“Ontem, a repórter do Globo disse que era uma vergonha nós estarmos eleitos. Vergonha é ela trabalhar com quem não gosta. Mas ela é induzida. Que triste emprego! Tem que trabalhar com mesquinhez, distorcer, conduzir de forma mesquinha o processo neste parlamento.

Eu não aceitaria, porque minha honra e minha personalidade não permitem mentiras. A minha conduta é reta, e não vou curvar-me. Eu sempre digo: em nome de meus filhos, prefiro apanhar de pé a ser acariciado ajoelhado”. (G1)

Esse é macho. Vou até ignorar a lei eleitoral e começar a fazer campanha para que o nobre deputado seja reeleito no ano que vem. Tenho certeza de que a grana do gabinete dele tem rendido várias coisas interessantes para a opinião pública.

É muita semiótica em favor dos trabalhadores

20:29 | 01/05/09 | Rodrigo Alvares

Foto: AE
sem.jpg
“Grampeei o Brizola e ele falou que tem orgulho de nós. Mais Força, Paulinho”

Protógenes diz que indiciamento de Dantas
foi ‘vitória’ e nega candidatura (Folha)

O delegado da Polícia Federal Protógenes Queiroz disse que o indiciamento do banqueiro Daniel Dantas, do grupo Opportunity, não foi uma vitória pessoal, mas uma ‘vitória do povo brasileiro’. Ele também negou sua candidatura a algum cargo político.

Protógenes foi convidado pela Força Sindical para as comemorações do 1º de Maio em São Paulo, em um evento público que anualmente reúne mais de um milhão de pessoas.

‘Eu não considero que foi a minha vitória, foi a vitória da justiça brasileira, a vitória do povo brasileiro e a vitória do Brasil. A Justiça brasileira fez nada mais nada menos o que o país queria’, afirmou.”

Melhor o PSOL parar de bancar as viagens para Protógenes. Se o argumento de Luciana Genro para justificá-las é o combate à corrupção, posar com Paulinho da Força e subir no palanque com os pelegos do PDT, sugiro revisar tudo urgente.

Caiu a Lei de Imprensa. Ligue para o sindicato

17:01 | 30/04/09 | Rodrigo Alvares

Maioria dos ministros do STF vota pela
suspensão total da Lei de Imprensa (Folha)

O ministro Joaquim Barbosa, do STF (Supremo Tribunal Federal), votou nesta quarta-feira pela extinção parcial da Lei de Imprensa, defendendo a manutenção dos artigos que tratam de calúnia, difamação e injúria. O voto do ministro foi seguido pela ministra Ellen Gracie, que defendeu a exclusão parcial da lei. (…)

Barbosa considera importante a fixação de normas para regular estes temas e garantir que o Estado possa ser um canal de interferência para sustentar tratamento igualitário entre os cidadãos.

‘Tudo pode interferir e influir na liberdade de imprensa. Quando um grupo é confrontado sistematicamente para silenciá-lo e tendo em mente esses riscos que a posição radical me parece que o Estado pode sim ser opressor da liberdade de expressão, fonte de liberdade, desobstruindo canais de expressão cientes ou não que tentam silenciar.’”

Curioso. Não me lembro de nenhum caso assim nos últimos tempos.

Bivér: suma importância

7:11 | 30/04/09 | Rodrigo Alvares

Pauta de julgamentos previstos para
a sessão plenária desta quinta-feira (STF)

Lei de Imprensa
Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 130
PDT x Presidente da República e Congresso Nacional
Relator: ministro Carlos Ayres Britto

Na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 130, o Partido Democrático Trabalhista (PDT) contesta a Lei de Imprensa (Lei 5.250/67), que “Regula a liberdade de manifestação do pensamento e de informação”.

Na análise da liminar, o Plenário suspendeu 22 dispositivos, de um total de 77 artigos. O objetivo do PL é garantir a liberdade de expressão e de informação jornalística.

O julgamento teve início no dia 1º de abril de 2009, quando o relator votou pela revogação de toda a lei, sendo acompanhado pelo ministro Eros Grau.

Em discussão: Saber se há incompatibilidade da Lei de Imprensa com a Constituição Federal de 1988.”