A/C Hitler, Adolfo

11:49 | 14/04/08 | Walter Valdevino

Tudo culpa da “inflação boa“:

ONU diz que biocombustíveis são crime contra a humanidade

A produção em massa de biocombustíveis representa um crime contra a humanidade por seu impacto nos preços mundiais dos alimentos, declarou nesta segunda-feira o relator especial da ONU (Organização das Nações Unidas) para o Direito à Alimentação, o suíço Jean Ziegler.

Os críticos dessa tecnologia argumentam que o uso de terras férteis para cultivos destinados a fabricar biocombustíveis reduz as superfícies destinadas aos alimentos e contribui para o aumento dos preços dos mantimentos.” (Folha Online)

Tags: , , ,

Postado por Walter Valdevino, 11:49, 14/04/08, na(s) categoria(s) Demência moral. Você pode acompanhar os comentários deste post através do feed RSS 2.0. Deixe um comentário ou coloque um trackback em seu site.

9 comentários para “A/C Hitler, Adolfo”

  1. marcos jose diz:

    O Joao Luis Vargas, papai noel, como vcs chama, esta com a corda no pescoço, olhem o que o Daniel Scola descobriu no blog do Gaucha Hoje.
    Mas isso nao é novidade, em Canoas, teve um CD que circulou, com a conversa em Chico Fraga e Jose Fernandes, onde acertavam as coisas sobre a processo no TCE, sobre a prestaçao de contas da pref de Canoas, sobre a compra dos computadores. Zé Fernandes, disse que Vargas estava santado em cima do processo.
    Depois descobriu-se que Vargas pediu vistas do processo e ficou com ele meses, depois votou a favor das contas, e com a divulgaçao do excandalo de superfaturamento da compra dos computadores, Vargas mudou de votou, e votou pela desaprovaçao das contas,
    Uma vergonha, esse meliante nao deve estar onde esta, p/ o bem da sociedade.

  2. Walter Valdevino diz:

    Pois é.

    Aliás, matéria sobre a falcatrua aqui:

    http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default.jsp?uf=1&local=1&newsID=a1828067.xml

  3. lígia diz:

    Jesus, teletransporta eu também!

  4. gandralf diz:

    Só que, pelo que eu li, estas críticas foram 98% direcionadas aos EUA, que usam milho para tal fim. Este caso é diferente do Brasil, por exemplo, porque existe uma relação direta entre milho e alimentos, além dos subsídios.

  5. Paulo diz:

    gandralf = mentalidade PêTê.

    Mr. Pê.

  6. Barba diz:

    Não… Brasil agora também acha que dá pra viver de eucalipto, soja e gado apenas. Em vários municípios onde eu trabalho os agricultores vêm abandonando o plantio de alimentos nos últimos 4 anos.

    Li um artigo no Guardian no começo do ano falando na alta de alimentos que anda acontecendo no planeta inteiro. O analista fala que os biocombustíveis e a agropecuária são os grandes vilões. (Eu diria que as guerras civis também, já que por causa delas nem 10% do solo arável da África é cultivado…)

    Enfim, os preços de alimentos básicos estão se tornando impraticáveis em alguns países. Seria bacana se os governos tomassem consciência disso, fizessem algum planejamento - não acho que seja bom arriscar em um setor tão frágil quanto a agricultura.

  7. gandralf diz:

    A Veja desta semana publicou, atrazada, um artigo sobre isso. Alguns pedaços (mais no blog do Reinaldo Azevedo ou em http://veja.abril.com.br/300408/p_058.shtml )

    “Em discursos pronunciados na semana passada, o presidente Lula classificou as críticas de Ziegler e Zoellick de “falácias” abastecidas com motivos comerciais. Segundo Lula, o encarecimento dos alimentos deve-se, na verdade, aos subsídios agrícolas de americanos e europeus, “uma droga que entorpece e vicia seus próprios produtores”, e o problema do álcool combustível se restringe ao etanol de milho produzido nos Estados Unidos. “Não é recomendável produzir álcool de milho, ainda mais quando esse milho é subsidiado. Seria muito mais lógico que os Estados Unidos fizessem parcerias com países da América Central e do Caribe para produzir uma parte do etanol de que os Estados Unidos precisam”, disse o presidente.”

    Mas, logo depois, a revista segue, concordando com o que foi dito:

    “A gritaria do governo brasileiro tem razão de ser. Plantando cana-de-açúcar para produzir álcool em 1% de seus solos aráveis, o Brasil consegue produzir mais da metade de todo o combustível que necessita para abastecer os seus automóveis. Além disso, os canaviais vêm avançando principalmente sobre áreas degradadas de pastagem e não concorrem com a produção de alimentos. Os Estados Unidos, por outro lado, já consomem 4% de suas terras com o plantio do milho destinado à produção de álcool, o que não representa nem 2% do total de combustíveis usado pelos carros do país.”

    Atitude “soy contra!” = mentalidade Pê Tê

  8. roberto moulin diz:

    nãp acho nada de estranho em colocar nomes de pessoas com boas e?ou com más reputações.triste é fazer o que fizeram os pais duas pessoas aqui no brasil. por causa da rodovia transamazônica um pau colocou o nome da filha de TRANSAMAZONICA e outro pai maluco ja tinha colocado
    o nome do filho de BELEM BRASÍLIA por causa da rodovia belem-brasília.
    para mim ter um filho com o nome de BELEM BRASÍLIA e uma filha com o nome de TRANSAMAZÔNICA é uma lástima;agora o nome de pessoas,
    são apenas nomes e não refletem po caráter de quem foi no passado bons
    ou ruins pessoas.

  9. roberto moulin diz:

    nãp acho nada de estranho em colocar nomes de pessoas com boas e?ou com más reputações.triste é fazer o que fizeram os pais duas pessoas aqui no brasil. por causa da rodovia transamazônica um pai colocou o nome da filha de TRANSAMAZONICA e outro pai maluco ja tinha colocado
    o nome do filho de BELEM BRASÍLIA por causa da rodovia belem-brasília.
    para mim ter um filho com o nome de BELEM BRASÍLIA e uma filha com o nome de TRANSAMAZÔNICA é uma lástima;agora o nome de pessoas,
    são apenas nomes e não refletem po caráter de quem foi no passado bons
    ou ruins pessoas.

Comente