Obama’s fake Shock and Awe

16:32 | 04/11/08 | Rodrigo Alvares

A sensação de euforia que meus amigos americanos deixam passar quando falam na mudança que representaria uma vitória de Barack Obama é bem justa e chega a lembrar da eleição de Lula, em 2002. Em como ele iria mudar o país e alçá-lo a um novo patamar no mundo.

Pena que aí os fatos batem na porta. Apesar de ser sua primeira eleição à presidência americana, Obama é do Partido Democrata, que de santo não tem nada. O senador não precisou de uma Carta ao Povo Americano para convecê-los de que não vai comer criancinhas, ainda que John McCain continue a dizer isso.

Mas o melhor é que todos sabem o que esperar dos democratas porque eles governam o país com os republicanos desde sempre. Muito, mas muito diferente da expectativa que os brasileiros aguardavam de Lula quando foi eleito presidente e levou o Pê Tê a tiracolo com o caixa dois da campanha. Aí, estourou o mensalão e todos ficaram surpresos quando viram que os petistas são tão corruptos quanto aqueles que chamavam de vendidos e entreguistas.

Eu tentei avisar meus amigos, que até doaram grana para Obama pela internet (numcunheçu) de que poderiam ser envolvidos em algum escândalo financeiro daqui a uns dois anos, mas parece que lá não é bem assim que funciona.

Tags: , , , ,

Postado por Rodrigo Alvares, 16:32, 04/11/08, na(s) categoria(s) Eleições 2008. Você pode acompanhar os comentários deste post através do feed RSS 2.0. Deixe um comentário ou coloque um trackback em seu site.

90 comentários para “Obama’s fake Shock and Awe”

  1. Ana diz:

    Poxa, sacanagem ofender o Obama comparando-o ao Lula.

  2. Tiele diz:

    acabar com a política dumundu e doses gratuitas de veneno pro povo, por favor!

  3. Adir Tavares diz:

    Mas que comparação!

  4. dante diz:

    o mais sensacional é os brasileiros acharem que fará alguma diferença pro brasil seja lá quem for eleito.

    DIVERTENTE.

  5. K. diz:

    Os fatos estão aí - como todo proto-jornalista gosta de dizer para subverter alguma informação - e estes são que o Brasil está atingindo patamares muito superiores em comparação com os governos dos últimos… 50 anos?
    Agora só falta ter algum adendo nesta tua análise, pra não deixar ela tão simplória e falha, ao ver um partido inteiro como reprodutor das práticas de uma minoria. Ah, patrulha petralha pegando. Petismo congênito que não reproduz apenas a opinião da mídia corporativa.
    Alías, recomendo que leia o Dossiê de Políticos Cassados por Corrupção Eleitoral (vide caixa dois e outros) e aproveita e veja quantos são os casos por partido =]
    http://www.lei9840.org.br/politicoscassadosdossie.pdf

  6. Gustavo diz:

    Patrulha petralha pegando.

  7. Trukk diz:

    Ora, Obama e Lula são IGUAIS!
    São (Obama será) dois presidentes com uma alta expectativa de mudança, com ideais de interesse para o povo, que vão fazer (fez) o país melhorar, crescer… mas que mesmo assim vai continuar uma MERDA e não vai mudar NADA!

  8. Jornal diz:

    Nossa senhora… quanta ignorância em uma página apenas. Primeiro um alienadinho do mundo que deve ir no Mac e jogar video game todo final de semana, dizendo que a a eleicão nos EUA não influencia no Brasil, outro que não deve olhar para ao redor do seu mundinho futil que diz que o pais esta uma merda, ele deve ter comidinha quente todos os dias, água encanada e não sabe a importância de programa como o PAC por que não tem capacidade mental sufiente para isso. O Lula e o Obama são diferente, são sim, mas são duas pessoas capazes e vencedoras que possuem um prestígio que jamais pessoas acéfalas e ignorantes terão. Vai lá Obama, vai lá Lula o mundo precisa de mais pessoas como vcs.

  9. Jornal diz:

    Nossa senhora… quanta ignorância em uma página apenas. Primeiro um alienadinho do mundo que deve ir no Mac e jogar video game todo final de semana, dizendo que a a eleicão nos EUA não influencia no Brasil, outro que não deve olhar para ao redor do seu mundinho fútil que diz que o país esta uma merda. Ele deve ter comidinha quente todos os dias, água encanada e não sabe a importância de programa como o PAC por que não tem capacidade mental sufiente para isso. O Lula e o Obama são diferentes, são sim, mas são duas pessoas capazes e vencedoras que possuem um prestígio que jamais pessoas acéfalas e ignorantes terão. Vai lá Obama, vai lá Lula o mundo precisa de mais pessoas como vcs.

  10. Coringa diz:

    Iria falar algumas coisa, mas não precisa mais:

    “o mais sensacional é os brasileiros acharem que fará alguma diferença pro brasil seja lá quem for eleito.

    DIVERTENTE.”

  11. Marcelo Amorim diz:

    Patrulha petralha pegando. [3]

    CC’s em ação

  12. Marcelo Amorim diz:

    Busatto acredita em Obama

  13. marlon diz:

    ccs bixeros (cadaeia neles)

    odujj

  14. Todos os olhos nos EUA « Se bem que… diz:

    […] a apuração dos resultados: liveblogging do Rodrigo Alvares, do Nova Corja. Também recomendo a leitura que ele faz da obamania, comparando a euforia pelo democrata com a esperança depositada em Lula em […]

  15. Van diz:

    Sinceramente, nada a ver comparar eleições americanas com a do Lula.
    Apesar do americano levar essa coisa de partido muito mais a sério que nosotros, Barack Obama é um símbolo de uma mudança - change - ele mesmo, em todos os sentidos, quero acreditar nisso. “Yes we can” detonou uma motivação q. já não mais existia. Dali pra frente foi uma inquietação, uma revisão de valores, um eunãoagüentomaisessasguerras sem sentido, esse consumo exagerado, essa poluição cafona, esse american way of life datado, essa gente gorda comendo bacon and eggs em frente à stupid box. To torcendo muuuuuuuuuito!

  16. Van diz:

    Barack é culto e cult, Obama é negro e lindo, Barack é jovem e um homem do seu tempo, é carismático, chic, é eloquente e não fanfarrista, é pop mas não rústico, é elegante nas palavras, nos gestos tem aplomb!

  17. ORRESTODOMUNDO diz:

    Até a oposição (qual?) apoia o governo. Será que o Lula sabe que está acertando?

  18. poi diz:

    até o governador da virgínia ocidental influencia a minha vida mais que o fogaça.

  19. GBRL diz:

    “…chega a lembrar da eleição de Lula…”

    Pra mim, é igual. Um negro e um torneiro mecânico, o papo de mudar o mundo, até o discurso de “tá na hora da esperança vencer o medo” é o mesmo, apesar dos medos serem diferentes. Só faltou a Regina Duarte com cara de cagona.

    Ver toda aquela gente se abraçando, chorando, “change”, “change”, “change”… Coitados. Ainda não aprenderam que a expectativa é a mãe da merda.

  20. Alisson diz:

    Van

    Em nenhum momento, de nenhum discurso, Obama se colocou contra o chamado americam way of life. Pelo contrário, a defesa do sonho americano e da forma como os EUA enchergam a vida e o mundo sempre foi uma das bandeira do democrata.

    Obama pode ser o novo. Mas o partido democrata é o mesmo. Mesmos métodos, mesmas pessoas. Por mais inteligente, carismático e o escambau ninguém governa sózinho. Obama não mudará o mundo, nem os EUA.

    Ele é com certeza melhor que o republicano, que é um estereótipo do veterando de guerra, mas não se pode empolgar tanto com um político. É um momento histórico, por ser negro e pela história do cara, mas considera-lo um messias, como alguns estão fazendo, é meio demais.

  21. Gustavo diz:

    Alisson, considera-lo um messias é MUITO demais.

    Tanto brasileiros como americanos depositam esperanças demais no principal mandatário. Depois é só frustração. Por isso sou favorável ao parlamentarismo - não há essa divindade entre eles.

  22. poi diz:

    OBAMA não é político. OBAMA é OBAMA, porra!
    CHANGE MOTHERFUCKERS!

  23. marlon diz:

    ehrm, no thanks.

  24. dante diz:

    “Primeiro um alienadinho do mundo que deve ir no Mac e jogar video game todo final de semana, dizendo que a a eleicão nos EUA não influencia no Brasil”.

    “não sabe a importância de programa como o PAC”.

    “O Lula e o Obama são diferentes, são sim, mas são duas pessoas capazes e vencedoras que possuem um prestígio que jamais pessoas acéfalas e ignorantes terão”.

    e

    “Vai lá Obama, vai lá Lula o mundo precisa de mais pessoas como vcs”.

    como escrevi lá em cima, DIVERTENTE.

    ***

    a propósito, até as eleições no quênia influenciam o brasil, Jornal. releia. como fez o alisson, ó:

    “Obama pode ser o novo. Mas o partido democrata é o mesmo. Mesmos métodos, mesmas pessoas. Por mais inteligente, carismático e o escambau ninguém governa sózinho [sic]. Obama não mudará o mundo, nem os EUA”.

    “não se pode empolgar tanto com um político. É um momento histórico, por ser negro e pela história do cara, mas considera-lo um messias, como alguns estão fazendo, é meio demais”.

    e se tu, Jornal, como a Van, acha que o mundo não vai mais ter guerras, nem consumismo, nem poluição, nem bacon & eggs no café da manhã SÓ PORQUE O OBAMA VAI SER PRESIDENTE DOS EUA, acho que vocês AINDA não entenderam como funciona o mundo.

  25. Van diz:

    Meus amados, sou longe de ser uma pessoa naive. No entanto é pela história pessoal de cada um, seja pelas benesses da vida ou pelas nossas escolhas q. vamos nos desenhando como indivíduos. Obaby tem uma saga unique, não vou entrar em detalhes, pois todos participantes desse bllog são cults, engajados, histéricos lindos e maravilhosos. Então, Alison, “bacon’eggs é simbólicamente a gordura q. os americanos carregam naquelas barrigas, sÍmbolo de um breakffast - um dos pilares americanos- q. ninguém aguenta +. O american way of life é sim uma cultura dejavu, reaça, que sabota todo aquele povo. Ter casa própria, carro, filho, boa educação, saúde, etc. é o que o ser humano até agora almejou e qual é a alternativa? Não estou falando q. isso não seja bom. Estou falando no modelo americano de família doriana, com suas mansões calafetadas com gramados e piscinões, carrões bebedores de gaz, escolas públicas q.fazem uma lavagem cerebral na mente das crianças, ensinando só o que interessa para garantir o ” american way of life”, e mais tarde ao sair do college, a luta pelo ingresso numa universidade carésima que se não fossem da costa leste, o pobre cidadão já estará condenado a ser de 2ª classe para o resto da vida. Trabalhei em multinacionais como a Esso por muitos anos e cheguei a trabalhar em Coral Gables, mas aquilo era uma encenação para quem ver? Até 70 cada dólar q. era emitido tinha LASTRO. Que era o ouro, lembram? A corte superpoderosa, encantada com os petrodólares, liberou as antigas, boas e confiáveis barras de ouro e a farra começou. Deu na crise de hoje. Vamos ver se um Obama que, pensa como indivíduo, não é manipulado e tem estrutura intelectual, moral consegue juntar um time que também esteja de saco cheio da mesma antiga escola de cafajestes e desenhe uma nova America, afinal estamos no século XXI, para o bem de todos nós.

  26. Pablo Vilarnovo diz:

    dante - Nem isso, não percebem que boa parte das guerras americanas foram iniciadas com um democrata na Casa Branca. Aliás, não só guerras. Essa crise aí foi gerida, alimentada e parida no governo Bill Clinton. Estorou agora, mas foi concebida com os democratas.

    No mais não consigo entender a empolgação de pessoas com políticos. Sério mesmo. Governo para mim é um mal necessário. Quando vou votar faço aquela cara de nojo. Urna para mim fede. Não tenho a menor vontade de festejar uma pessoa que: a) não faz a menor idéia de quem sou; b) não liga a mínima para mim; c) que só vai atrapalhar minha vida; d) vai tirar meu dinheiro e etc…

  27. spoiledwhitegirl diz:

    # Van diz:
    23:19, 04/11/08

    Barack é culto e cult, Obama é negro e lindo, Barack é jovem e um homem do seu tempo, é carismático, chic, é eloquente e não fanfarrista, é pop mas não rústico, é elegante nas palavras, nos gestos tem aplomb

    = Lázaro Ramos

  28. Van diz:

    Pablo: quem deu o start na Guerra do Golfo foi George Bush Pai, please, olha o touché.

  29. Van diz:

    spoiled: Lázaro Ramos, vamos combinar, é gato.

  30. Pablo Vilarnovo diz:

    Van: Foi não… Foi a ONU. Os EUA lideraram a coalizão no número de tropas, mas na Guerra do Golfo foi a ONU.

  31. Pablo Vilarnovo diz:

    Mas de qualquer forma o Caetano está certo: os americanos são responsáveis por boa parte da tristeza e da alegria nesse mundo…

    Aliás uma outra coisa: os americanos PODEM ser consumistas porque PRODUZEM para tanto. Nós é que não podemos nos dar ao luxo. Até porque pagamos, por exemplo, o dobro do preço que um americano paga por um automóvel. Aqui o que pagamos por um Ford Focus lá compra um Jaguar. Só de exemplo…

    Já acabei com debates com alguns “camaradas” que me mostravam pesquisas de “ONGs” sobre a concentração de riquesa mundial. Mandei cruzarem essas pesquisas com o PIB per capta dos países.

    É muito fácil querer dividir riqueza que não produz. Fazer caridade com dinheiro alheio é ótimo…

  32. Alisson diz:

    Van, eu entendi a tua visão do que é o “american way of life” e também o considero de uma hipocrisia e de uma idiotice extrema. Minha única divergencia contigo é em relação ao Obama.

    Ele nunca, em momento algum, se propôs a mudar essa forma de pensar da cultura norte americana.

    Até porque, se ele se colocasse contra o sonho americano de ter “mmansões calafetadas com gramados e piscinões, carrões bebedores de gaz, escolas públicas q.fazem uma lavagem cerebral na mente das crianças, ensinando só o que interessa para garantir o ” american way of life”, e mais tarde ao sair do college, a luta pelo ingresso numa universidade carésima…” ELE NÃO SE ELEGERIA.

    Os americanos não querem mudar sua forma de viver. Querem apenas mansões ainda maiores, carrões que bebem mais e assim por diante. Volto a dizer, nesse ponto, em relação a forma como a vida é vista nos EUA, nada vai mudar.

  33. Alisson diz:

    PS: Mas eu admiro muito as pessoas que ainda tem esperança na via política como forma de mudar a realidade existente. Infelizmente, eu perdi essa inocência (não estou falando no sentido pejorativo).

    Não estou sendo irônico, eu vivia melhor quando acreditava que um político poderia mudar o sistema vigente e melhorar a vida das pessoas, hoje não acredito mais nisso.

  34. Van diz:

    Alisson, muito melhor bater esse papo tomando um bloody mary ou um dry martini com azeitona para comemorar OBAMA no doubt. Teorias a parte há q. nos organizarmos, porque senão eu incorreria num sério risco de ver o Alisson me arrastando pelos cabelos pela orla do Guaíba. Como isso não nos faria felizes, com certeza, te digo que: algo mudou. E não foi Barack, e não foi Lula e não foi quantos levantarem os dedinhos querendo glórias. Depois da guerra fria - boba, estúpida, cruel e silenciosae enfadonha, restaram as KGBs e CIAs q. de tanto esquentarem as bufunfas, bolando maldades nunca dantes navegadas, descobriram chips e que taes q. desembocaram na via pela qual lhe falo agora, que de outra forma, entre tantas cositas meigas, jamais nos saberiamos (q. existe um gaúcho Alisson e uma carioca Van). A Net É a revolução. É ela que vai fazer a mudança. É ela que revela talentos, que descortina segredos até então invioláveis, que encontra soluções pois mexe com muitos cérebros ao mesmo tempo em todos os lugares q. nem sonhamos possam existir. É nisso q. acredito. Senão nunka, mas nunkinha da Silva, um negro seria eleito pelos wasps, judeus, reaças, milicos e afins. Não vai nisso nenhum prejudice. Detesto todos. Mas apenas uma constatação curiosa. bjins.

  35. Alisson diz:

    Van,

    Concordo que a eleição do Obama é um avanço. Em um país onde 20, 30 anos atrás um negro não podia sentar ao lado de um branco no ônibus, a eleiçao do Obama é um marco.

    MAS, não acredito que o futuro governo Obama fará muito mais do que fez Bill Clinton por exemplo. As instituições são as mesmas, as mesmas cabeças. É nisso que eu discordo da euforia. Na prática, muito pouco mudará.

    Não entendi a história da olra do guaíba. Me fez rir, nada mais avesso a minha forma de agir do que a violência.
    A sugestão do “bloody mary ou um dry martini com azeitona” me parece bem melhor!!!

    Enfim, a eleição do Obama me alegra mas não me faz pensar em grandes mudanças. Aliás, a internet tanto pode ser positivamente revolucionária como destrutiva. Para muitos é sinônimo de conhecimento, comunicação e expressão. Para outros é um instrumento para golpes e outro crimes, além do emburrecimento causado pela intelectualidade googleana…

    Simbolicamente o aconteceu no EUA foi estupendo. Na prática tenho dúvidas.

    PS: Vale lembrar que o RS elegeu um governador negro a quase 20 anos. Essa é uma das poucas coisas que me orgulha aqui no pasto.

  36. dante diz:

    van, resumindo o resumo resumidamente: o que quero dizer é que aos políticos só é facultado um poder limitado.

    todos que visitam este blog [O MUNDO, enfim] e forem “cults, engajados, histéricos, lindos e maravilhosos” sabem quem realmente manda no mundo:

    $

  37. marlon diz:

    dante:

    não o vil $, mas CONSUMO [$ é muito concreto]

    e, se tem algo que me envergonha deveras a respeito do pasto, é o Collares. não interessa se branco, preto ou azul: ele e sua digníssima patroa são das piores coisas que já vi em termos de política no bovinão.

    no mais: oduj,. ok!

  38. Alisson diz:

    marlon

    Collares apenas pela questão racial, tendo em vista que o RS sempre foi um estado racista pra caramba. Não estava falando termos de qualidade do governo do PDT.

  39. marlon diz:

    okk

  40. Anti-PT diz:

    uma coisa é comparar um negro com curso superior com um ladrão que não tem nem o ensino fundamental completo….
    uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa…. e as duas são completamente diferentes.

    PARABENS OBAMA!

  41. Van diz:

    Marlon, já entendi q. o Collares q. Alisson se referiu é negro. No contexto é essa a dedução. Não vou ficar gastando teclado com pessoas “cults, engajadas, histéricas, lindas, maravilhosas e poderosas, para desenvolver q. ser negro não garante à pessoa ser tudibom, OK? Mas, no mínimo, é um avanço em termos de preconceito q. é o Ó e apenas atrasa o nosso desenvolvimento como seres “under construction”. Agora o q. eu ainda não entendi, é o q. é DJU, dá pra dizer ou tá difícil? Alisson, agora é que dá vontade de arrastar “alguém” pelos cabelos pela orla do Guaíba, tá ligado?

  42. Alisson diz:

    A analogia com o Collares é puramente étnica.
    RS racista elege um negro. Sem comparar um cara brilhante, como o Obama, com o Alceu de Deus.

    Como disse a Van, ser branco, negro, amarelo, não garante a qualidade da pessoa.

    Esse “oduj” também não faço a mínima ideia do que é.

    Esse lance de arrastar ou ser arrastado na orla do guaíba eu não entendi, ando meio lento, huashuahsuhaushaushaus.

  43. Van diz:

    Alisson vou te explicar: quando tu fica irado com alguém que digamos discorda de tu, tu muito delicadamente tens várias opções humanas; podes bater com o telefone na cara do indivíduo (a), - coisa antiga, diga-se de passagem - podes deletar o e-mail do figura para todoosempre; pode dizer-lhe apenas ODUJ q. deve ser algo péssimo, ou pode mandá-lo para o afganistão e recomendar efusivamente uma visita aos talibans. Pode tb. indicar uma ida ao bota-fora do Bush, diversão garantida Puxar pelos cabelos, é uma herança dos tempos das cavernas, mas q. está no DNA de todos nós, e q. ainda pode se recorrer quando a imaginação estiver em colapso. Simples assim!

  44. marlon diz:

    eo odieiio odujj okk??// rsrsrsrsrs

    canser an mihna cabessa.

  45. Van diz:

    Marlon, relações cortadas para sempre.

  46. Alisson diz:

    Ahhhhhhhhhhh, é como o Bob Jefferson falando sobre instintos mais primitivos…

    Não, mas eu não tive esses pensamentos em relação ti!
    Penso em visitar o RJ em breve e uma guia turistica seria uma boa!!

    Interesseiro.

  47. Van diz:

    Alisson, bã! Eu moro em San Pablo.

  48. marlon diz:

    Van,.
    decsulpe,msa un homem d erecurços como eu nao posso estar me espondo desa forma.

  49. Alisson diz:

    O que faz um carioca em sã consciência ir morar em San Pablo?
    huahsuahsuahsuashuahsuahsuahsuhau.

  50. Van diz:

    Eu sou uma carioca chic!

  51. Van diz:

    Esse Marlon muito menos q. Brando, deve ser um oriundi. Eu chego lá!

  52. Camilo diz:

    EMULAÇÃO do Dr. Alex FTW!

    bixeosr!

  53. dante diz:

    “uma coisa é comparar um negro com curso superior com um ladrão que não tem nem o ensino fundamental completo”.

    só faltou um “não que eu seja preconceituoso”.

  54. Tiele diz:

    coisa linda de se ler.

    Van, não oduj o oduj do amrlom,ok?!1

  55. Van diz:

    Tiele, got it: não oduj o oduj do amrlom, nem se for a última bolacha do pacote, OKkkkkkkkkkk

  56. Jornal diz:

    Dante

    Concordo só faltou a palavrinha mágica do pobre de espiríto: PRECOCEITO

    ****

    E olha só Van, realmente não sei como funciona o mundo e se depender de entender pessoas como tu prefiro nem saber. Ah e vou te indicar uns livrinhos de interpretação de texto, por que tu é muito tontinho.

    “Um mundo sem guerras, nem consumismo, nem poluição, nem bacon & eggs no café da manhã” aí eu em mudo pra Marte baby adoro tudo isso. Só não gosto de ignorantes que alimentam a ignorância e não sabe o que acontece em volta do seu mundinho blindado

  57. Leandro Demori diz:

    “Vai lá Obama, vai lá Lula o mundo precisa de mais pessoas como vcs.”

    Não.

  58. marlon diz:

    PRECOCEITO OKK1!

    oraora

  59. marlon diz:

    Camliio xetelhonatrio sen mais bagunsa agora ok???

  60. Van diz:

    Jornal, atualmente lá na periferia tu nun serve nem pra limpar bunda! Useless! Será q. tu fala inglês? I doubt.

  61. Tiele diz:

    O

    duj.
    tiautiau, grasihnas!

  62. Jornal diz:

    Que bom , quero muito mais que isso baby. Já tu deve limpar as privadas da periferia, com esse teu cérebro minúsculo só pra isso tu deve servir.

    bye, bye baby.

    Falo inglês e italiano e só trabalho pra gente inteligente.

  63. Jornal diz:

    O Van não fala nem português direito

  64. Leandro Demori diz:

    “italiano”.

    É interessante o estudo de línguas mortas. Parte pro Aramaico depois.

  65. Jornal diz:

    Uiii um defensor do Van que lindo, de onde tu veio baby? Da Jamaica ou de Cuba?
    Morta é a tua inteligência

  66. Leandro Demori diz:

    Jesus me DELETA.
    Dr. aleaxndre é vc oduj ?

  67. Jornal diz:

    Não é pior. Pode deixar que eu te deleto anjo, Jesus não conseguiria

  68. Camilo diz:

    Dr. Alexandre, saia do blog.

    Juruan (detalie) bixero

  69. Anti-PT diz:

    agora chamar alguem de “negro” é preconceito? o que ele é, amarelo?

    e não sou preconceituoso mesmo, só falei que o Presidente Obama(que tem ensino SUPERIOR) tem mais moral que o ANALFABETO e LADRÃO do nosso querido mulla…

  70. Ariela diz:

    Zezus!
    a única pessoa que conheço que fala línguas mortas é o Dante, fora o italiano. O Italiano.

    Vrescura de oduj bovoca.

  71. Ladrão diz:

    Barack Osama, Obama Bin Laden, Osama Hussein etc.

  72. marlon diz:

    ceh cazzzo cnetra el odujj??? no sie ssi mi speigo.ok.

  73. marlon diz:

    mocossos d eunivresidad. (deatlle)

  74. Alisson diz:

    Uma discussão SADIA e BUNITA virou nisso…

  75. VanVon diz:

    Alisson, vc. é jornalista?

  76. Pablo Vilarnovo diz:

    “dante diz:

    15:46, 05/11/08
    van, resumindo o resumo resumidamente: o que quero dizer é que aos políticos só é facultado um poder limitado.”

    Graças ao bom Deus…

    Imagine se os políticos tivessem poderes ilimitados? Aliás não precisa imaginar! Pol Pot, Stalin, Mao Tse Tung, Hitler, Mussoline, Franco, Salazar, Pinochet, Perón, Fidel…

    “O preço da liberdade é a eterna vigilância”.

  77. Pablo Vilarnovo diz:

    Aliás, se quiser umas dicas de uma festas aqui no Rio é só mandar email. Estarai em Porto Alegre no dia 20, espero também umas dicas de umas festas legais por aí…

    Abraços!

  78. Camilo diz:

    Odjud joveen.s

  79. Tiele diz:

    hahahaha. vô!

  80. Marilyn diz:

    Obama: eu ia.

  81. VanVon diz:

    Anti PT, quando no Harlem nunca diga “NIGER”, sob pena de linchação.

  82. VanVon diz:

    ” Freedom’s just another word for nothin’ left to lose” da música “Me and Bobby McGee” by Kristofferson, 1969.

  83. marlon diz:

    NIGER PLZ OKK

    [aliás, foto mais massa de todos os tempos]

  84. Ladrão diz:

    http://i34.tinypic.com/28heeep.jpg

  85. Van diz:

    Maneiro, Ladrão, maneiro.

  86. marlon diz:

    não irei.

  87. A Nova Corja » Blog Archive » Obama’s fake Shock and Awe - 2 diz:

    […] tantas pessoas acharam que não consegui me expressar direito neste post pouco antes das eleições americanas sobre o assunto, não tenho nada a fazer senão recomendar a […]

  88. gg diz:

    O governo Obama vai ser um protecionismo atroz. Vai ser, do ponto de vista da dissociação entre a retórica de livre-comércio e a prática, um baita FDP.

    Além disso, está rodando a maquininha do dinheiro - e vai gerar inflação (o pior imposto de todos) e vai desvalorizar o dólar. Aliás, vai ser triste e engraçado, quando a realidade bater à porta dos brasileiros sem-cérebro que comandam certas engenharias financeiras de empresas. O pior é que o BACEN (Banco Central, pra quem não sabe) tem muito dinheiro em títulos do Tesouro estadunidense. Isso vai doer. Fazer o quê…O Brasil sempre teve economistas que entendem TUDO. Deve ser por isso que sempre damos vôos de galinha.

    Obama vai socorrer “o povo”, este ente abstrato mas que, concretamente, é um vagabundo que consome demais, quer morar numa mansão do tamanho do que era uma casa de um médico anos atrás. Pura demagogia. Deixasse quebrar. Pagou, não pode pagar, então quebre. Dói mas dói só pra você. O cidadão responsável não é taxado.

    O bom é que vai parar a guerra insana do Iraque. Mas não vai atrás da Halliburton e demais benefciados. Duvido.

    Sobre terem eleito um mulato: ótimo. Os EUA se aliam, então, às demais democracias americanas que elegeram índios e um operário.

  89. gg diz:

    @ Pablo Vilarnovo:

    Deixa de ser ignorante. Estadunidense não produz nada. A GM vai falir, ninguém quer seus carros. EUA compram tudo da China e se afundam e hipotecas e cartões de crédito. O consumo deles é todo financiado. Vai na página do Fed e busca que são OS DONOS DOS EUA (isto é, pra quem eles deve as calças. Dica: ou têm pele escura, ou têm olhos puxados).

    Japão, China, Alemanha produzem.

    Já o Brasil quer produzir gado, arrancar minério e madeira da Amazônia. Tem um povo que acha que a função do Governo é distribuir dinheiro - um povo que não paga imposto - ou porque sonega ou porque ganha muito pouco. Plataformas minimamente racionais aqui (corte de impostos para liberar as forças produtivas e o empreendendorismo) são “neoliberais.”

    O país é um antro de esquerdofrênicos falidos. Ou é isso, ou é meliante.

  90. EDSON diz:

    E O PROBLEMA QUE NO MEIO DESSA REALIDADE, NÃO SABEMOS O QUE FAZER, SÓ COLOCAMOS NOSSAS OPNIÕES, NOSSOS DESAFETOS, NOSSAS QUEIXAS, MAS SOLUÇÕES NO HORIZONTE NÃO CONSEGUIMOS VER, SENDO LEVADOS PELA CORENTEZA E ESPERANDO AONDE TUDO ISSO VAI DAR, SE CONJECTURAM MUITAS COISAS DIFERENTES, NÃO SABEMOS DE NADA É CERTO, SÓ QUE COM CERTEZA QUE ESSE MODELO SOCIAL TÁ FALIDO MESMO.
    OLHA SE PUDESSE VOLTAR NO TEMPO E DAR UM CACETE NAQUELE QUE INVENTOU A PROPRIEDADE PRIVADA RSRSRS, PORQUE NOSSAS VIDAS TÁ NISSO MESMO!!

Comente