A Nova Corja entrevista Soninha - Teaser

19:46 | 19/11/08 | Rodrigo Alvares

Foto: Rodrigo Alvares
varias-069.jpg
Não, não é a Soninha. Faz parte de uma exposição africana no hall da Casa

A cidade sob meus pés e a garoa fina contra as lentes dos óculos. É bom estar de volta às ruas, a caminho da Câmara de Vereadores de São Paulo para entrevistar Soninha Francine (PPS). Quando estou quase em frente ao local, liga a assessora da parlamentar para avisar que o encontro teria de ser adiado em uma hora por causa de uma reunião da Comissão de Finanças, ou algo assim.

Eram 13h35, e eu teria uma longa espera pela frente. Ficar no boteco da esquina e tomar umas cervejas estava fora de questão. O que me levou a outra dúvida: por que diabos eu perderia uma coisa dessas no epicentro da representação legislativa do Brasil? Fui parar na Comissão de Saúde e encontrei o novo colega do blog Jones Rossi por lá.

Graças ao tédio mortal, descemos até o plenário para ele falar com um vereador. Fiquei só no biriri, observando as entradas e saídas do lugar e, claro, a discussão sobre uma tal de CPI dos Parasitas da Saúde. Voltamos ao oitavo andar, mas quando chegou perto das 15h, retornei à entrada do plenário para me encontrar com a vereadora.

Mas ela não aparecia, e temi um desencontro - alguns parlamentares usam elevadores privativos para chegar ao salão. Ipod nos ouvidos, me fiz de louco e usei a entrada dos funcionários. Nada aconteceu. Eu estava dentro. Passei os olhos e não encontrei a ex-candidata à prefeitura da capital do Fumaquistão.

Cruzei o plenário e observei que os jornalistas ficavam em algum tipo de gaiola, sem contato com os vereadores caso eles queiram fazer isso. Fui para a ante-sala, onde rola o tradicional cafezinho e conversas ao pé do ouvido. Na tela de plasma, os parlamentares com os discursos de sempre.

Aquilo me encheu o saco e voltei para o centro da festa. Sentei em uma das cadeiras no fundão e finalmente avistei a vereadora, concentrada em alguma leitura. Decidi esperar ela terminar porque, tu sabe, poderia ser uma grosseria. O problema foi que um segurança também me avistou e veio discretamente até mim.

Perguntou se eu estava com alguém: “Claro, estou com a Soninha”. Óbvio que ele veio com a conversa de que eu não podia estar ali. Pedi permissão para avisar a vereadora e acabar com a sua leitura, mas não deu galho e voltamos à ante-sala, onde demos início à uma entrevista bem esclarecedora.

Amanhã, a primeira parte da conversa.

Tags: , ,

Postado por Rodrigo Alvares, 19:46, 19/11/08, na(s) categoria(s) Pulíticu$ du Braziu. Você pode acompanhar os comentários deste post através do feed RSS 2.0. Deixe um comentário ou coloque um trackback em seu site.

15 comentários para “A Nova Corja entrevista Soninha - Teaser”

  1. Van diz:

    Amanhã, é o dia da consciência negra e é feriadão. Daí a exposição com o afro-descendente Obama. Não sei como vc. conseguiu encontrar com alguém à tarde por aí.

  2. marlon diz:

    texto massa.

    “A cidade sob meus pés e a garoa fina contra as lentes dos óculos”.

    lembrou Kant. : )

  3. La Carmencita diz:

    O que eu quero saber da Soninha é se ela usa calcinha de algodão orgânico.

  4. Marcelo Soares diz:

    Se estiver em São Paulo nesta quinta, bora tomar umas brejas? Moro mais ou menos perto da Câmara Municipal.

  5. Cahê Gündel Machado diz:

    Afro-descendente Obama? O que sobra para o Pelé?
    A propósito: eu quero o Dia da Consciência Branca! Isso é preconceito com os euro-descendentes! Fora, Zumbi!

  6. Ariela diz:

    Mas Kant, ao contrário do Rodrigo, nunca saiu de sua cidade. Nem meu anti-herói, Schopenhauer.

    A propósito de avestruzes, A Corja já viu que o robô virulento continua mandando comentários esquizofrênicos para o post do Hype?

    Era de se saber de que IP vem…

  7. Van diz:

    Gostei da idéia do Marcelo Soares (2)

  8. Tiele diz:

    Ótimo texto! :)

  9. Cynthia diz:

    Aquilo na gravata do Obama é uma bala de revólver?

  10. Rodrigo Alvares diz:

    Ariela: aquela praga vem de TROCENTOS Ips.

  11. Willian Wallace diz:

    Rodrigo: Mollon –> mollom.com ou Akismet –> akismet.com

  12. K. diz:

    este blog tá ficando muito paulista. vai deixar de ser o mais melhor de baum em tudo

  13. marlon diz:

    o quadro é um lixo, though.

  14. Van Von diz:

    K. se minha presença lhe desagrada, FYS. Se ficou com ciúmes por podermos eventualmente encontrar com RA, por sermos vizinhos, na maior metrópole do Braziu, “change” , como diria Obama.

  15. K. diz:

    Ô Von
    Tava falando tal Jones Rossi!
    te manca haha

Comente