Tag ‘interreses obscuros’

Curso rápido sobre como poupar tempo

2:33 | 17/10/08 | Leandro Demori

Desista. Você jamais alcançará níveis de perda de tempo tão assustadores quanto os meus na Internet. Sou alçado todos os dias para uma cadeia de hiperlinks que se abrem e se prolongam, que se fecham e se afunilam, formando uma fenda cósmica pulsante de proporções irreversíveis.

Veja o exemplo deste livro. Tê-lo encontrado agora, 1h23, pode significar o fim de tudo. Não devo começar a ler “Como Mentir com Estatística”. Preciso resistir. Seria uma viagem prazerosa, não há dúvida, mas NÃO. Eu sou dono de MIM. Eu POSSO. Eu sou UM VENCEDOR.

Mas não irei me martirizar. Eu também não sou o MESSIAS. Em vez disso vou poupar tempo de forma muito simples: separando os links de uma busca aleatória na tenéti e extraindo deles alguma razão estatística. Pronto. Assim não perderei a madrugada.

OK:

digitando no Guguêu “protesto porto alegre” e suas variantes.

Aqui estão.
Aos números.

Com destaque temos 11 protestos [PÔCO] contra o desgoverno Yoda entre 2007 e 2008. Do total, nove deles foram pacíficos (A, B, C, D, E,F, G, H, I), em ações corriqueiras de chimarrão & gritaria ou de forma mais criativa - lavar as calçadas do Palácio Piratini ou fechar o comércio de um bairro inteiro. Já dois foram mais extrovertidos (J, K), com balas de borracha de um lado, pedras e estacas de madeira de outro e TALECOISA.

Podemos concluir de maneira rápida e, SOBRETUDO, sem perder sono lendo “Como Mentir com Estatística”.
1) Gaúcho é tudo fresco
2) OK

Pelo bem do resultado científico desconsiderei o fato de que os nove protestos sem confronto com a força policial foram feitos por taxistas, comerciantes, motociclistas, moradores, professores, motoristas e classes profissionais em geral. Os dois mais revolucionários eram organizados por entidades de bandeiras, ideologias e táticas de ação bem semelhantes e/ou iguais.

Mas sei lá.

Agora até me bateu uma dúvida.
(a Ciência, esta pulguinha adolescente)

Estes números deveriam entrar nas ESTATÍSTICAS?

Espera aí que vou conferir no livro.