Tag ‘prefeitura’

Diversão no pleito curitibano

11:54 | 13/08/08 | Marcelo Träsel

Morrendo muito aqui com o vídeo acima, indicado pelo leitor Carlos, com os melhores momentos das participações do candidato Lauro Rodrigues, do PT do B, no debate entre os concorrentes à Prefeitura da capital paranaense.

Aproveitamos para reforçar nossa inconformidade infindável com a desistência do PCO aqui em Porto Alegre.

A Nova Corja entrevista Luciana Genro

11:00 | 09/07/08 | A Nova Corja

A esquerda não teria como nos ignorar por muito tempo. Depois de tentativas frustradas por e-mails não respondidos e posts choramingões, finalmente pudemos penetrar na sede do Psol, no bairro Cidade Baixa, em Porto Alegre.

Entrevista_luciana_foto_oficial
Foto oficial: Walter, Lulu [com camiseta da Corja], Träsel [com o livro “A Falência do PT”] e Leandro [com o alisante para cabelos autografado]

No centro nervoso do partido entrevistamos Luciana Genro, candidata à prefeitura da capital mondial do Bovinão. As paredes pintadas de amarelo lembram uma escola infantil [bem meigo], as acomodações são simples, ao estilo “até agora não apareceu nenhum empresário para ajudar na campanha”, como garante a filha do ministro. Nós da Nova Corja não entendemos dessa coisa di pobreza, mas nos solidarizamo$.

Entrevista_luciana_gluglu
Fazendo glu glu. Momento de delírio e emoção

Ao longo da conversa, Luciana Genro subiu na mesa, gritou palavras de ordem, leu o manifesto comunista ao microfone e instaurou o socialismo na Rua da República. Uma radical, uma tresloucada essa Lulu. Você pode ver tudo isso na sequência de vídeos-maGavilha que fizemos. No final, um bônus com presentinhos para nossa candidata favorita da semana [sai, DEMO].

E Viva la Revolución.


Entrevista Luciana Genro I
Colocado por novacorja

VEJA MAIS
Todas as fotos.
Todos os vídeos.

Luto

10:49 | 09/07/08 | Marcelo Träsel

O candidato do Partido da Causa Operária à prefeitura de Porto Alegre, Guilherme Giord… — perdão! — André Tartas, desistiu de concorrer. O motivo foi a conspiração da Mídia Má, Feia e Bobona contra a revolução do proletariado, que obviamente torna o pleito injusto. A Nova Corja lamenta profundamente esta decisão, porque a entrevista com o pessoal do PCO era a que mais esperávamos. Somos fãs deles desde que Giordano propôs, como solução para o problema da violência, “desmontar o aparato repressivo da Brigada Militar e armar milícias populares”.

Isso para não falar nos sempre hilariantes videos de campanha. Na falta deles, fiquem com a cobertura do réveillon dos verdadeiros defensores do proletariado brasileiro:

Oi. Quer assinar minha newsletter?

17:42 | 08/07/08 | Rodrigo Alvares

Entre os inúmeros comentários que leio no meu esconderijo sobre o processo contra nós, encontrei este aqui. Interprete como quiser:

Gentil on 04 Jul 2008 at 8:05 pm

“Isso que não entendo, enquanto o cara fica ameaçando os outros, ele fica enviando spam (mensagens ilegais) via internete. Eu não sei quem é Polibio Braga, não tenho a menor vontade de saber, mas recebo há anos spams vindo dele. Não houve jeito de sustar o recebimento das mensagens. A única coisa possível foi bloquear as mensagens direto no provedor. Mas frequentemente eu tenho que entrar lá pra deletar os spams deste senhor.

E olha que eu não faço a menor idéia de onde ele pegou meu endereço, pois não é uma coisa de agora. Se me perguntarem o que ele veicula, não sei e nem me interessa, pois sempre mandei as mensagens direto pra lixeira.”

É um caso curioso, pois algumas fontes com quem já conversei justificam os patrocínios por causa do número de assinantes da newsletter - que seria de 170 mil pessoas. Mas aí é aquela coisa: é preciso saber quantas pessoas realmente acessam o site - que é  o que importa na hora de se definir quanto vale um anúncio ali.

Fontes informam que a Prefeitura de Porto Alegre paga R$ 30 mil pelo pacote de seis meses com banner no site. Para quem quiser ter acesso aos contratos de publicidade no Palácio do Poeta - já que são públicos e assinados para tu pagar -, pode ligar ou enviar e-mail para os seguintes responsáveis abaixo. Não se esqueça de perguntar quais são os critérios de escolha, principalmente para a internet:

Anilson Costa
Supervisor de Comunicação Social
Paço Municipal - Praça Montevidéu, 10 - 2º andar - CEP 90010-140
Fone: 51 3289-3651
anilsonc@gp.prefpoa.com.br
Coordenação de Jornalismo
Av. Presidente João Goulart, 501 - CEP 90010-110
Fone/Fax: 51 3289-3900
Redação: 51 3225-4853
ccs@gp.prefpoa.com.br

Luiz Fernando Aquino
Coordenador
Fone: 51 3289-3926
luizaquino@gp.prefpoa.com.br
Coordenação de Publicidade
Av. Presidente João Goulart, 501 - 1º andar
Fone: 51 3289-3935

Aline Kusiak
Coordenadora
Fone: 51 3289-3934
kusiak@gp.prefpoa.com.br

Turista recebe primeiro apoio para reeleição

20:17 | 08/04/08 | Marcelo Träsel

cascao_tema01.jpg

Eu voto Foga$$a, porque Foga$$a emporcalha!

Que o digam os moradores dos bairros centrais de Porto Alegre, que estão desde domingo sem água, graças a uma série de barbeiragens do DMAE. Até agora, já prometeram nada menos do que três prazos (ontem à noite, hoje ao meio-dia e hoje no final da tarde) para a normalização do abastecimento. Todos estouraram, que nem os canos de 1923 pelos quais a água de Porto Alegre ainda corre.

Maria do Rosário, principal concorrente do turista, poderia estar feliz com esse farto material de campanha (está faltando água só em bairro nobre e a burguesia tende a ficar indignada quando começa a feder), se o PT não tivesse passado últimos 16 dos 85 anos que essa adutora tem sem fazer uma renovação. Ao menos o Foga$$a tem a desculpa de ter morado longe da capital durante os 16 anos de petismo.

Já era

17:35 | 18/09/04 | Rodrigo Alvares

Eu comentei no início do mês para um influente jornalista da Capital que as chances para tirar o PT da prefeitura se resumiriam ao dia 15 de setembro. Hoje o Correio do Povo publicou nova pesquisa para o Paço. Raul Pont parou nos 35%, e José Fogaça chega perto dos 20%. Parece que vai dar segundo turno.

Mas não adianta.
A oposição evitou polarizar o debate porque estava se borrando de medo de comentar pelo menos dois fatos:
1) Medo de repetir a eleição para o governo do Estado em 2002 e ver um candidato inexpressivo despontar à liderança em meio às acusações dos dois principais candidatos. Evitaram esse caminho e se deram mal. Esta semana o PMDB colocou nas ruas outdoors dizendo que só o partido derrota o PT. Meio difícil acreditar nisso, uma vez que o PMDB NUNCA governou Porto Alegre e só venceu os governos estaduais de 1986 e 1994 na esteira de planos econômicos que fizeram água depois de pouco tempo, caminho que o PT parece estar seguindo. Radicalizar a duas semanas da eleição e com 6% das intenções de voto, como é o caso de Mendes Ribeiro, é desespero. Pior que isso só querer se comparar a Germano Rigotto.
2) Medo de criticar o governo federal, não só pelos bons indicadores econômicos como pelo fato de que apenas UM candidato não está alinhado de alguma forma com o PT em Brasília – Onyx Lorenzoni, do PFL. Mas como ele está ganhando os eleitores do Jair Soares, deve obter uma votação expressiva para deputado federal em 2006 – o que é a verdadeira intenção de pelo menos metade dos candidatos à Prefeitura: encher cacife para concorrer ao Congresso daqui a dois anos.